0 R$0,00

Nenhum produto no carrinho.

Dow’s Vintage

Seja o primeiro a avaliar este produto

SKU: 152012

Disponível: Em estoque

R$0,00
O Dow’s Vintage é elaborado apenas em anos excepcionais, o que acontece, em média, duas ou três vezes por década. Trata-se da seleção rigorosa de vinhos produzidos principalmente nas propriedades Quinta do Bomfim e a Quinta da Senhora da Ribeira a partir de vinhas velhas. Quando jovem, mostra um nariz extravagante, cheio de frutas negras e vermelhas, como amora, ameixa e cassis, violetas e especiarias. Na boca é sedoso, com muita estrutura e equilíbrio. A safra 2007 mereceu a nota máxima da Wine Spectator - 100 ! Já a 2011 é “um dos melhores exemplares de Vintage 2011”, para Neal Martin, que avaliou o vinho para a The Wine Advocate de Robert Parker. O crítico português João Paulo Martins descreveu-o como “imensamente promissor” e “de guarda”. Os Dow’s Vintage são sempre clássicos, entre os melhores que a região é capaz de produzir, e envelhecem lindamente. O 1991 é “perfumado e saboroso” e o 1997, “delicioso”, segundo a Wine Spectator.

18
a
24
meses




Wine
Spectator
99
2011
Wine
Spectator
100
2007

    Informação Adicional

    Volume 750 ml
    Região Douro
    Harmonização Como aperitivo ou com nozes e queijos
    Tipo Porto
    Teor Alcoólico 20,00%
    Tipo da Uva Touriga Nacional, Touriga Francesa, Tinta Barroca, Tinta Roriz e Tinta Cão
Vinícola
dow-s
Dow's

Descrição

Detalhes

O Dow’s Vintage é elaborado apenas em anos excepcionais, o que acontece, em média, duas ou três vezes por década. Trata-se da seleção rigorosa de vinhos produzidos principalmente nas propriedades Quinta do Bomfim e a Quinta da Senhora da Ribeira a partir de vinhas velhas. Quando jovem, mostra um nariz extravagante, cheio de frutas negras e vermelhas, como amora, ameixa e cassis, violetas e especiarias. Na boca é sedoso, com muita estrutura e equilíbrio. A safra 2007 mereceu a nota máxima da Wine Spectator - 100 ! Já a 2011 é “um dos melhores exemplares de Vintage 2011”, para Neal Martin, que avaliou o vinho para a The Wine Advocate de Robert Parker. O crítico português João Paulo Martins descreveu-o como “imensamente promissor” e “de guarda”. Os Dow’s Vintage são sempre clássicos, entre os melhores que a região é capaz de produzir, e envelhecem lindamente. O 1991 é “perfumado e saboroso” e o 1997, “delicioso”, segundo a Wine Spectator.